Radio Atalaia FM Rio. Aperta o Play!


sábado, 28 de novembro de 2020

Após tragédia com ônibus, ações vão na contramão da segurança

 Após tragédia com ônibus, ações vão na contramão da segurança

Agências federal e estadual parecem não estar atentas às necessidades atuais do transporte de passageiros


Tragédia em Taguaí: 41 mortos em acidente na quarta-feira, 25 Polícia Militar de SP/Divulgação 


Na semana em que aconteceu uma das maiores tragédias rodoviárias recentes no país, as ações de governantes apresentam-se no mínimo erráticas. Na quarta-feira, 25, 41 pessoas morreram após um ônibus  se chocar contra um caminhão na Rodovia Alfredo de Oliveira Carvalho, no município de Taguaí (SP). Contudo, neste mesma semana, o Ministério da Infraestrutura publicou uma resolução da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) liberando de multas as empresas que transportarem passageiros em número superior à lotação especificada pela legislação. 


No governo paulista a situação não é nada melhor. Faltando poucos dias para o seu encerramento, a consulta pública promovida pela Artesp para o transporte rodoviário de  passageiros vem chamando a atenção pela inexistência de medidas objetivas para o aumento da segurança nas estradas. 


Por Machado da Costa 



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

Faça parte dos nossos encontros de Mulheres Vitoriosas .ADVEC Campinho RJ

  Nosso encontros têm sido cada vez mais especiais e marcantes. Estamos nos fortalecendo em Deus e, juntas, nos preparando para tudo o que ...